Bimotor desaparecido na Bahia levava corpo para velório no Distrito Federal

Além do corpo de Carita de Souza Ramos, de 61 anos, que morreu enquanto nadava no litoral baiano, estavam no avião o viúvo e um piloto, ainda não identificado pela Infraero

Agência Estado |

Agência Estado

O bimotor Seneca PA-34, prefixo PT-RDG, que partiu na noite de segunda-feira (24) do Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus (BA), 446 quilômetros ao sul de Salvador, com destino a Brasília, e desapareceu pouco depois da decolagem , fazia o translado do corpo de Carita de Souza Ramos, de 61 anos, residente na capital federal. Ela morreu no sábado (22) enquanto nadava na Praia da Barra, em Coroa Vermelha, distrito de Santa Cruz Cabrália, no litoral sul baiano, onde passava férias com familiares.

O acidente: F AB inicia buscas por bimotor desaparecido na Bahia

Infraero/Divulgação
Imagem do Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus

Além do corpo, estavam no avião o viúvo, responsável pela locação do transporte, e o piloto, ainda não identificado pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). O velório, que deveria ocorrer na tarde desta terça-feira, no Cemitério Jardim Esperança, foi cancelado.

De acordo com a Infraero, o bimotor decolou às 22h55 e perdeu contato com a torre de controle do aeroporto logo em seguida. O tempo estava bom na região no momento e testemunhas relataram ter visto um bimotor perdendo altitude sobre o mar, a cerca de dois quilômetros da costa.

As buscas foram realizadas, até o fim da tarde, por equipes da Aeronáutica, da Marinha e do Corpo de Bombeiros por terra e mar - por enquanto, apenas a superfície está sendo rastreada, nas proximidades de onde o avião teria sido visto pela última vez. Com a queda da luminosidade natural, a operação foi interrompida e será retomada nesta quarta-feira.

O aeroporto de Ilhéus chegou a ser fechado, das 15h45 às 17h30, para que os trabalhos das equipes da Força Aérea Brasileira (FAB) pudessem ser realizados. Dois voos que estavam programados para o período tiveram de ser remarcados para amanhã.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o bimotor, que tem capacidade para sete pessoas, estava com a documentação em dia.

    Leia tudo sobre: aviãobimotorBahiaIlhéusacidente aéreo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG