Ayres de Britto deve propor que TSE reveja regra que limita temas de entrevistas de pré-candidatos

RIO - O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Carlos Ayres de Britto, acredita que em até 15 dias terá a oportunidade de lançar ao Tribunal a discussão sobre os limites que devem ser impostos à mídia impressa nas entrevistas de pré-candidatos eleitorais.

Valor Online |

Atualmente, a resolução 22.718 do TSE permite que as mídias eletrônica e impressa entrevistem pré-candidatos, desde que não sejam expostas propostas de campanhas.

Para Ayres de Brito, que foi voto vencido na última vez em que o tema foi avaliado pelo TSE, a mídia impressa deveria ter, com base na Constituição, mais liberdade atuação, já que não opera por concessão.

Eu vou ver se Corte se dispõe a aprofundar uma reflexão sobre o tema, até mesmo na perspectiva de revogação dessa resolução, porque não se pode negar que a Constituição separou a mídia eletrônica e a mídia impressa, disse o presidente do TSE, que participou hoje do 41º Encontro do Colégio de Presidentes do TREs.

(Rafael Rosas | Valor Online)

    Leia tudo sobre: tse

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG