Avião da FAB com 11 a bordo segue desaparecido

RIO DE JANEIRO (Reuters) - As operações de busca ao avião da Força Aérea Brasileira que desapareceu com 11 pessoas a bordo ainda não localizaram nenhum sinal da aeronave, informou a FAB nesta sexta-feira. Um helicóptero do Exército e uma aeronave da Força Aérea dotada de sensor para varredura térmica vasculharam durante a madrugada uma área determinada de acordo com o sinal de emergência emitido pelo avião 58 minutos após decolar de Cruzeiro do Sul (AC) para Tabatinga (AM), na manhã de quinta-feira.

Reuters |

A FAB informou em comunicado que as buscas, até o momento, não obtiveram "avistamento ou sinais do avião desaparecido" e que oito aeronaves participam das operações nesta sexta-feira.

A aeronava levava quatro passageiros e sete tripulantes, alguns deles colaboradores da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), designados para uma missão de vacinação do Ministério da Saúde em cerca de 3,7 mil indígenas de aldeias no Vale do Javari, no Amazonas.

O C-98 Caravan, de fabricação Cessna, é usado para o transporte de pequenas cargas e passageiros em curtas distâncias e tem capacidade para até 14 pessoas.

Na FAB, o C-98 Caravan é utilizado desde 1987 em tarefas de apoio e de transporte aeromédico e no Correio Aéreo Nacional.

(Por Pedro Fonseca)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG