Avião cai sobre uma casa em Curitiba

Piloto do avião morreu na hora, segundo os bombeiros. Casa próxima ao aeroporto foi destruída

Luciana Cristo, iG Paraná |

Um avião de pequeno porte caiu em cima de uma residência na rua Fagundes Varela, no bairro Bacacheri, em Curitiba (PR), na manhã desta quarta-feira. As primeiras informações dos bombeiros indicavam que duas pessoas haviam morrido, mas a corporação corrigiu a informação e confirmou que apenas o piloto estava a bordo, o comandante Vitor Ascânio Caldonazo. Ele morreu na hora. Informação anterior da própria Aeronáutica identificou o piloto como sendo Vitor Aisengarden.

Luciana Cristo
Avião pegou fogo logo após cair sobre casa

 O avião, um Bonanza PT 0IS BE-36, teria tido problemas logo após decolar do Aeroporto do Bacacheri e caiu sobre uma casa próxima à cabeceira da pista. Duas pessoas que estavam na residência conseguiram sair a tempo e não se feriram. O avião pegou fogo após a queda, mas o incêndio foi controlado imediatamente.

Informações iniciais da equipe da Aeronáutica que estava no local dão conta que faltou estabilidade para o piloto na hora da decolagem. Ele tinha como destino a localidade do Pará de Minas (MG), segundo o plano de vôo registrado no Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta).

Quem estava na casa vizinha ao acidente conta que o susto foi grande. “Eu tinha ido levar o lixo para fora de casa e, quando estava voltando, escutei o estouro”, conta Roseli de Jesus do Nascimento. Outra moradora, Sônia Oleskovicz, diz que a impressão foi a de que o piloto se perdeu enquanto fazia uma manobra. "Foi tudo muito rápido, o estrondo foi muito forte.

O aeroporto ficou fechado para pousos e decolagens durante aproximadamente uma hora, enquanto ocorria o atendimento do acidente. Agora, o aeroporto já voltou a operar normalmente, de acordo com o major da Aeronáutica Marcos Antônio dos Santos.

O Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aéreos do Comando da Aeronáutica, que fica em Porto Alegre (RS), já deslocou uma equipe para Curitiba, que vai ficar na cidade para investigar as causas do acidente e se o piloto estava com a documentação legal para realizar o voo. As informações que estão no Cindacta confirmam que o piloto tinha permissão para voar. Investiga-se a suspeita de pane no motor e uma falha humana não está descartada.

    Leia tudo sobre: queda de aviãoparanáferidosmortos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG