Avenida Dr. Arnaldo, em São Paulo, está bloqueada nos dois sentidos

SÃO PAULO - A avenida Dr. Arnaldo, na zona oeste da cidade de São Paulo, está bloqueada em ambos os sentidos, desde as 13h20, entre a rua Catalão e a Avenida Professor Alfonso Bovero, devido a cabos de alta tensão que se romperam e atingiram a via, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego.(CET). Os bombeiros solicitaram a interrupção do tráfego para que a remoção dos galhos de árvore que atingiram a fiação seja feita com segurança.

Redação |

De acordo com a Eletropaulo, houve um princípio de curto-circuito e o Corpo de Bombeiros informa que não há feridos. A Dr. Arnaldo tem 650 quilômetros de lentidão no sentido Sumaré, na altura do viaduto Okuhara Koei, ligação entre a avenida bloqueada e a avenida Paulista. 

Os bombeiros enviaram duas viaturas para o local, para acompanhar o trabalho de Eletropaulo. Houve o desligamento da energia em algumas regiões entre as 14h45 e as 15h30, assim a remoção dos galhos pode ser feita.

De acordo com a Eletropaulo, o fornecimento de energia ficou prejudicado em trechos da avenida Sumaré, da Dr. Arnaldo, da avenida Professor Alfonso Bovero e da rua Juazeiro. No momento, segundo a companhia, o serviço já foi retomado e segue interrompido somente no local onde houve princípio de curto circuito.

A Eletropaulo também informa que não houve rompimento da rede elétrica ou outros danos.

Às 18h30, a CET registra 60 quilômetros de congestionamento na capital paulista. A maior lentidão está na Marginal Tietê, que tem 5,7 quilômetros de filas entre a rodovia Castelo Branco e a Ponte da Freguesia do Ó, na pista local, sentido Ayrton Senna.


Leia mais sobre: trânsito

    Leia tudo sobre: congestionamentosão paulotrafegotransito

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG