Autuados 38 motoristas no fim de semana em São Paulo

A Polícia Militar fez no fim de semana a maior ofensiva contra motoristas embriagados desde a sanção da lei seca, em 19 de junho. Em blitze da Operação Direção Segura montadas em vários bairros da cidade de São Paulo nas madrugadas de sábado e domingo, policiais autuaram 38 motoristas e prenderam três.

Agência Estado |

Só entre as 22 horas de sábado e as 3h30 de ontem, a PM autuou 23 motoristas, prendeu uma mulher e encaminhou outros 13 condutores para distritos policiais.

Na madrugada de sexta-feira para sábado, a polícia já havia autuado 15 motoristas, que apresentaram índice de 0,1 miligrama a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar expelido no bafômetro. A multa, nesses casos, é de R$ 957,70.

O motorista também perde o direito de dirigir por um ano. Motoristas flagrados com mais de 0,3 miligramas por litro de ar expelido - o equivalente a uma lata de cerveja - são punidos com multa, suspensão da habilitação e ficam sujeitos a processo criminal e prisão em flagrante de 6 meses a 3 anos, passível de fiança de R$ 300 a R$ 1.200.

No interior, foram presos dois motoristas bêbados: um de 61 anos que trafegava na Rodovia João Ribeiro de Barros, em Dracena, e um de 29, motorista profissional, dirigindo na Raposo Tavares, em Presidente Prudente. Os dois tiveram habilitação apreendida, pagaram fiança e foram liberados. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

    Leia tudo sobre: lei seca

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG