SÃO PAULO ¿ Se for mais cedo, ele fica. Aguinaldo Silva responderá esta semana para a Globo se fará ou não uma nova temporada de Cinquentinha.

Com encomenda da segunda fornada da minissérie feita e reforçada pela emissora, o autor quer, desta vez, que a trama vá ao ar mais cedo que na primeira temporada: na faixa das 22h, assim como "Dalva e Herivelto". Em sua exibição em dezembro passado, "Cinquentinha" chegou a ter episódios indo ao ar à meia-noite.

O mais difícil, o autor já tem: a trama central dos novos capítulos. As protagonistas em questão, turma encabeçada por Suzana Vieira, vai cuidar de suas respectivas vidas, mas têm de voltar à cena depois que os filhos fazem bobagem na empresa. E dá-lhe confusão.

Segundo Aguinaldo Silva, o elenco estelar permanece o mesmo e com contrato com a Globo. "A história de Leonor (Maria Padilha) e do filho Carlo (Pierre Baitelli) é que será mais desenvolvida, pois tiveram menos chance na primeira temporada", promete o autor.

Se topar continuar com a minissérie, Aguinaldo terá um outro desafio: o tempo. A Globo quer "Cinquentinha" já para abril.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.