Aumento leva paulistanos à fila do bilhete único

O paulistano tem até amanhã para carregar o bilhete único com o valor da passagem de ônibus a R$ 2,30. Na segunda-feira, a tarifa será reajustada para R$ 2,70.

Agência Estado |

Ontem, faltavam cartões novos nos guichês de algumas estações do metrô, como Barra Funda, na zona Oeste, e Marechal Deodoro, no centro.

Se a recarga for feita até domingo, o usuário vai economizar 12 passagens. Hoje, com a recarga do limite máximo de R$ 200, é possível passar 86 vezes pela catraca. A partir de segunda-feira, com esse valor, será possível fazer 74 viagens.

O preço da passagem de ônibus não é reajustado desde 2006, quando passou de R$ 2 para R$ 2,30. A tarifa foi mantida por três anos inalterada para cumprir promessa do prefeito Gilberto Kassab (DEM) em sua campanha à reeleição, em 2008. Para garantir o benefício aos passageiros, a prefeitura desembolsou ano passado mais de R$ 800 milhões em subsídios às empresas de ônibus.

A SPTrans informou, por meio da Assessoria de Imprensa, desconhecer reclamações sobre eventual falta de cartões. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG