Atual campeã, Vai-Vai termina desfile com correria

A escola de samba Vai-Vai, atual campeã do carnaval paulistano, teve de correr no fim de seu desfile para poder encerrar a apresentação dentro do limite de 65 minutos de tempo. Apesar de decidir por aumentar a velocidade nas últimas alas e na bateria, o que pode comprometer a avaliação da escola nos quesitos evolução e harmonia, o fato de conseguir encerrar o desfile no limite exato de tempo foi comemorado pelos integrantes ao fim da passarela.

Agência Estado |

A correria no fim não comprometeu, contudo, a qualidade da apresentação, saudada pelos torcedores na arquibancada, que tremulavam bandeiras da agremiação. O samba-enredo deste ano foi "Mente Sã e Corpo São", com a escola levando à avenida a história da saúde mundial. Para tratar do tema, a Vai-Vai apresentou no Anhembi um ambicioso carro abre-alas com três partes distintas, sendo que na terceira chamavam a atenção dois bonecos de tigres simulando um acasalamento.

As alegorias da escola foram bastante ousadas. Um dos carros tinha uma fonte que por toda a avenida jorrava água, o que deixou molhada a pista. Outro carro expelia chamas. As fantasias eram coloridas e repletas de brilhos. Diversas fantasias, já que o tema da escola era saúde, representavam mosquitos, vetores de diversas doenças.

Uma das alas mais festejadas pelo público foi a das crianças, em que os integrantes vestiam fantasias de ratos de laboratório, simbolizando as pesquisas que levaram à produção de vacinas. A Vai-Vai, que busca o 14º título do carnaval de São Paulo, foi a sexta e penúltima escola a desfilar no último dia de apresentações no Anhembi.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG