Atividade física traz benefícios à saúde da gestante, diz obstetra

A atividade física, além de ser importante em qualquer estágio da vida, pode trazer benefícios para gestantes, como melhora da circulação sanguínea e do funcionamento do intestino. A prática também ajuda no controle do peso e proporcionar um bem-estar geral.

Agência Estado |

"O exercício não precisa ser proibido. O importante é avaliar qual atividade combina com cada momento da gravidez", afirma o ginecologista e obstetra, Aléssio Calil Mathias.

Segundo o especialista, diretor da Clínica Gênesis em São Paulo, exercícios durante o pré-natal pode prevenir a diabete gestacional e doença hipertensiva específica da gestação. "Devemos levar em consideração algumas exceções que proíbem a atividade física como: placenta baixa, descolamento placentário, sangramentos, trabalho de parto prematuro, dentre outras razões médicas", avisa.

Quando a mulher já pratica algum tipo de exercício, o corpo tem condicionamento para fazer este esforço durante a gestação, mas iniciar uma rotina de exercícios durante a gravidez não é recomendável pelos especialistas. "Para as mamães que não tinham o hábito de praticar atividades físicas antes da gravidez, a recomendação é a hidroginástica, ioga, pilates, mas somente após completar o primeiro trimestre de gestação", pondera Mathias.

A alimentação da gestante que pratica exercícios físicos deve ser equilibrada e individualizada, respeitando a rotina da futura mamãe. A nutricionista Ana Paula Mendonça Martins diz que é importante incluir na dieta uma quantidade generosa de frutas, verduras, legumes e água para manter um aporte suficiente de nutrientes. Ana Paula destaca que a gestante deve receber orientação sobre a importância da alimentação equilibrada e sem longos períodos de jejum para manter seu metabolismo sempre ativo.

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG