Ataques contra Polícia Militar e ônibus continuam em Salvador

Postos da Polícia Militar e coletivos continuam sendo atacados em Salvador, na Bahia, segundo informou a Secretaria de Segurança Pública do Estado. Na madrugada desta quarta-feira foram registrados ataques contra um módulo desativado da Polícia Militar no bairro Engenho Velho da Federação.

Redação com Agência Estado |

AE
Ataques contra a polícia na Bahia

Ataques contra a polícia na Bahia

Ninguém ficou ferido. Segundo a Secretaria, policiais militares iniciaram uma perseguição contra três suspeitos do ataque, que foram mortos na Estrada do Coco, após tiroteio.

Também no início da madrugada, homens atearam fogo a um ônibus da Empresa Litoral Norte, que não chegou a ser totalmente destruído, no bairro Federação. Não há registro de feridos.

A polícia militar está reforçando a segurança na cidade para combater o vandalismo, segundo a Secretaria, que deve divulgar um balanço oficial sobre número de presos e de ataques à PM na tarde desta quarta-feira.

Transferência de traficantes

Os ataques começaram na madrugada de domingo, quando cerca de 12 homens, em três carros, atiraram em direção aos postos militares do Uruguai, Ribeira, Estações Pirajá e Mussurunga, deixando três policiais feridos e três suspeitos mortos.

O movimento estaria vinculado à transferência do traficante Cláudio Eduardo Campanha, de Salvador, para o presídio de segurança máxima de Campo Grande, no Estado do Mato Grosso do Sul.

Traficantes são transferidos da Bahia

Leia também:

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: violência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG