Treze pessoas ficaram feridas, por volta das 21h30 desta terça-feira, após um micro-ônibus da Viação Litoral Rio, que fazia a linha 701 (Alvorada - Madureira), ser atacado por criminosos incendiários na avenida Prefeito Miguel Salazar de Moraes, na Cidade de Deus, região de Jacarepaguá, na zona oeste do Rio. Segundo o motorista do ônibus, Ronaldo Borges, o coletivo foi cercado por um grupo de cerca de 20 pessoas.

As vítimas, seis delas em estado grave, foram levadas pelo Corpo de Bombeiros e por PMs da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), instalada na favela da região, para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, onde iriam passar por uma triagem.

Os pacientes em estado mais grave foram transferidos para o Hospital Souza Aguiar, Hospital Central da Polícia Militar, Hospital Geral do Andaraí e para um hospital de referência para queimados. Uma das passageiras, para escapar das chamas, pulou do ônibus pela janela e teve fratura no maxilar. Três das vítimas já foram identificadas, são elas: Anne Andrade Lima, 18 anos; Gabriel Lima de Andrade, 20; e Laís de Melo Rodrigues, 21.

Leia mmais sobre: ônibus

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.