As inspirações da cidade maravilhosa no verão 2009 Por Amanda Valeri São Paulo, 20 (AE) - Além de ser palco do Claro Rio Summer, que foi realizado entre os dias 5 e 8 de novembro, a cidade maravilhosa foi também palco de inspiração para as marcas que passaram por lá e apresentaram suas coleções de verão 2009. É o caso da Jo De Mer e de Carlos Miele.

As belezas contrastantes do Rio de Janeiro - as belas praias e os cenários montanhosos - se tornaram pano de fundo para a coleção da Jo De Mer. A grife trouxe às passarelas do evento ainda as diferenças e semelhanças do da natureza e do concreto, e da Bossa Nova e do Dancing Days. Looks repletos de recortes e curvas inesperadas se fundiram com cores vivas e peças básicas, mas elegantes. O básico bege ganhou brilho e destaque com a companhia do roxo, laranja e verde, além do strass, das tachas e das fivelas em metal que levaram sofisticação às areais das praias. A grife investiu nos babados (e muitos babados), no tomara-que-caia e nas fendas laterais.

Conhecido por criar peças sofisticadas e luxuosas, Carlos Miele trouxe ao evento uma coleção diferente do que costuma apresentar: peças mais casuais e com técnicas artesanais. Apesar disso, a marca registrada do estilista estava visivelmente presente nos looks. O artesanato e as raízes brasileiras, bem representadas nas cores e nas ricas texturas. O "discurso cultural" foi sugado da sensualidade, do clima e da biodiversidade brasileira. E as mudanças não pararam por aqui. O estilista trouxe ainda uma coleção masculina à linha Miele. O jeito de viver, ou lifestyle, carioca foi a principal referência, com peças para as mais diversas ocasiões. A linha masculina trouxe inovações aos materiais utilizados nas criações: fibra de bambu e o jeans com algodão reciclado são os destaques. No lado feminino, fuxicos, bordados e crochê deram um toque ainda mais brasileiro à coleção.

Moda Inclusiva

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência lançou ontem, durante o evento Pense Moda, o concurso Moda Inclusiva. Ele tem como objetivo mostrar propostas de roupas que atendam às necessidades das pessoas com deficiência. Além disso, o concurso proporciona um espaço para discutir no segmento a "necessidade de se pensar e fazer moda que respeite a diversidade". As inscrições podem ser feitas a partir do dia 3 de dezembro no site WWW.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br. O concurso é voltado para os estudantes que moda e estilismo que, para concorrer, devem montar e enviar um look para a organização do Moda Inclusiva.

Primeiramente haverá uma pré-seleção de 20 participantes que participarão de um desfile em abril de 2009. Após essa fase, serão selecionados três profissionais e suas respectivas criações que serão apresentadas durante um desfile na Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência. As premiações incluem estágio remunerado na empresa Vicunha, uma publicação de croqui na revista Manequim e credenciais para a próxima edição do São Paulo Fashion Week (SPFW).

Fique esperta!

A moda brasileira agora tem um novo comprimento dos vestidos e shorts: o minicomprimento. Onipresente nas últimas edições dos eventos de moda do País, o "mini" virá guiando os balanços dos vestidos e a sensualidade dos shorts.

- Na praia ou na piscina, ele está liberado. Acompanhado de uma rasteirinha ou chinelinho, o comprimento faz jus ao ambiente;

- Ele também é visto nas grandes cidades e, principalmente, nos eventos noturnos. Nestes casos, o salto fino traz elegância ao look;

- O bom senso é a palavra-chave. Uma boa dica é, se não houver conforto, usar o minivestido, por exemplo, com uma calça jeans bem justa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.