Artistas e estudantes debatem a produção teatral em SP

Notáveis nomes do teatro, do cinema e da televisão vão participar de quatro encontros que serão promovidos a partir de hoje pelo Senac São Paulo. O evento visa discutir questões e responder a alguns dos anseios de interessados em geral e dos estudantes do Bacharelado em Teatro do Centro Universitário Senac, curso instituído há dois anos sob consultoria de Gabriel Villela, Claudia Shapira, Alberto Guzik, Sérgio Roveri e Marcos Pecci.

Agência Estado |

"Uma das maiores inseguranças dos alunos é em relação à carreira, se é possível sobreviver de teatro. Então, decidimos montar um projeto para discutir essencialmente essa questão", diz Isa Seppi, coordenadora do curso e da série de encontros.

Hoje, Eduardo Tolentino de Araújo, diretor do Grupo Tapa, e Rodolfo García Vásquez, fundador e diretor da Cia. de Teatro Os Satyros, vão debater sobre o processo de criação, a adaptação de textos clássicos e de roteiros ao orçamento estimado de produção. O jornalista e dramaturgo Sérgio Roveri vai mediar todos os encontros e inclusive esse, cujo tema é Um Teatro Sem Cortinas.

No próximo dia 29 é a vez dos atores Sandra Corveloni (vencedora do prêmio de melhor atriz no Festival de Cannes pelo longa Linha de Passe , em cartaz nos cinemas) e João Miguel (protagonista em Céu de Suely e Cinema, Aspirinas e Urubus , entre muitos outros) discutirem sobre uma formação ideal do intérprete. Um Grito de Ação pretende também abrir questões sobre o trabalho no cinema, um campo de atuação crescente, além de dar dicas de como os iniciantes devem conduzir sua carreira nessa área.

A jornalista, escritora e dramaturga Maria Adelaide do Amaral e o diretor, ator e produtor Paulo Betti vão falar, no dia 13 de outubro, sobre as mídias eletrônicas e, principalmente, o fascínio que a televisão exerce sobre o jovem ator iniciante. Os direitos da imagem, a utilização ou não da TV para futuros trabalhos no teatro e a diferença no estilo de interpretação diante das câmeras são alguns dos assuntos que serão abordados no bate-papo Ajustando o Foco.

E, finalmente, no dia 20 de outubro, o ator e produtor teatral Cláudio Fontana e o produtor administrador de teatro Mario Martini vão contar um pouco de suas experiências na gestão de espetáculos, na busca constante por patrocínios e adesões a leis de incentivo disponíveis. A palestra Uma História nos Bastidores pretende prover algumas ferramentas aos interessados em gerir sua própria arte e, conseqüentemente, difundi-la a um maior número de espectadores. A série de encontros acontecerá sempre às 20 horas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG