Um artista britânico prestou homenagem à família do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, criando, no buraco de uma agulha, uma escultura minúscula.

Os trabalhos de Willard Wigan, da cidade de Birmingham, no norte da Inglaterra, costumam ser visíveis apenas através de uma lupa ou microscópio; usa uma lâmina cirúrgica para esculpir em grãos de arroz, fibra de carbono, ouro e nylon. Chega a modelar entre os próprios batimentos cardíacos para evitar que a mão trema na hora de criar seus personagens.

Suas esculturas são, em geral, menores que a cabeça de alfinete e usa cabelos humanos como pincel.

"Queria criar a menor das maiores homenagens para a grande ocasião", afirmou ele à BBC pouco antes da cerimônia de posse de Barack Obama.

bur-lgo/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.