Denise Milan lança, nesta quarta-feira em Londres, na Inglaterra, o livro e o DVD ¿Fumaça da Terra¿. O livro, prefaciado pelo botânico inglês especializado em florestas tropicais Ghillean Prance, e o documentário poético contam as histórias de Ruth Geni Donário, a dona Ruth, uma caiçara da região de Paraty." / Denise Milan lança, nesta quarta-feira em Londres, na Inglaterra, o livro e o DVD ¿Fumaça da Terra¿. O livro, prefaciado pelo botânico inglês especializado em florestas tropicais Ghillean Prance, e o documentário poético contam as histórias de Ruth Geni Donário, a dona Ruth, uma caiçara da região de Paraty." /

Artista brasileira lança em Londres livro e DVD sobre caiçaras de Paraty

SÃO PAULO ¿ A artista plástica brasileira http://www2.uol.com.br/denisemilan/pre-menu-port.html target=_blankDenise Milan lança, nesta quarta-feira em Londres, na Inglaterra, o livro e o DVD ¿Fumaça da Terra¿. O livro, prefaciado pelo botânico inglês especializado em florestas tropicais Ghillean Prance, e o documentário poético contam as histórias de Ruth Geni Donário, a dona Ruth, uma caiçara da região de Paraty.

Redação |

Reprodução
Histórias narradas por Ruth Geni Donário
Histórias são narradas por Dona Ruth
Os caiçaras têm uma visão da natureza especial. Eu não tinha noção do que era um caiçara, desse universo da filosofia da floresta, do mar, dos peixes, da maré, conta. Segundo a artista, tanto o livro como o vídeo trazem a poética deles, numa escuta não objetiva. Esta é a primeira vez que Denise, que já expôs em Londres, Paris, Osaka, Nova York, leva um documentário para fora do Brasil.

No Brasil, as obras serão lançadas em evento paralelo à Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), que acontece neste ano de 2 a 6 de julho. Faremos com a presença de todos os caiçaras dali, enfatiza Denise. Para ela, a temática merece mais atenção do público, que deve validar a voz do caiçara.

Assista ao trailer do documentário Fumaça da Terra:

Registro histórico

No prefácio do livro "Fumaça da Terra", o professor da Universidade de Reading, na Inglaterra, Ghillean Prance ressalta que "muitos trabalhos foram feitos para documentar as vidas de povos nativos do Brasil, mas muito pouco se escreveu sobre popoulações locais tais como os caboclos da Amazônia e a população caiçara do sul". Para o especialista, o livro traz um "relato extraordinário e íntimo da vida caiçara".

Ghillean Prance alerta sobre a rapidez com que o desenvolvimento está modificando os costumes tradicionais da região. "Em alguns anos desafortunadamente, este será um documento histórico e parece que Dona Ruth está profundamente consciente da erosão do conhecimento tradicional".

Olhar Caiçara

Outro documentário recém-lançado sobre a vida dos caiçaras é o Olhar Caiçara , realizado pela organização não-governamental Mongue Proteção ao Sistema Costeiro. O vídeo registra o trabalho da ONG, que promoveu o intercâmbio entre diversas comunidades caiçaras do litoral do Rio de Janeiro até o sul de São Paulo.

As imagens foram realizadas por um grupo de adolescentes caiçaras sob orientação de profissionais e especialistas da área de Educomunicação. As equipes percorreram festas tradicionais, coletaram depoimentos e exibiram o material em outras comunidades. Isso vai se tornar um movimento, uma tomada de consciência sobre os caiçaras, que unem imigrantes europeus, índios guaranis e os quilombos com sua tradição oral, opina Denise sobre o projeto da ONG.

A partir do próprio ponto de vista, eles podem conhecer, registrar e preservar suas tradições, explica o secretário-executivo da ONG, Plínio Melo. O projeto é uma conseqüência do sucesso da ação anterior da Mongue, o Viola Peregrina , que teve como condutor a chamada viola iguapeana, ou viola branca, que existe apenas em Iguape, no litoral sul paulista.

Saiba mais sobre: caiçaras

    Leia tudo sobre: caiçaras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG