BRASÍLIA - Em discurso da tribuna do Plenário, o líder do PSDB, senador Arthur Virgílio (AM), assegurou que 12 dos 13 senadores do PSDB votarão na candidatura de Tião Viana (PT-AC). Arthur Virgílio defendeu mudanças na direção do Senado e afirmou que forças em torno do senador José Sarney [PMDB-AP] não permitem que ele faça qualquer mudança na Casa .

Nesse sentido, mostrou-se pela eleição de Tião Viana, assegurando que o PSDB teve do parlamentar pelo Acre a garantia do atendimento de uma pauta de 12 itens elaborada pelos tucanos. "Queremos alguém que tenha um projeto de moralização desta Casa", frisou o líder do PSDB.

O Senado elege nesta segunda-feira seu presidente para o biênio 2009/2010. A eleição é secreta.

Em sua primeira manifestação como líder do PMDB no Plenário, o senador Renan Calheiros (AL) apresentou oficialmente o nome do senador José Sarney como candidato à Presidência da Casa.

O senador Aloízio Mercadante (PT-SP) foi anunciado como novo líder do PT, mas a líder anterior, senadora Ideli Salvatti (SC), oficializou, em sua última ação no cargo, a candidatura do senador Tião Viana (PT-AC) à Presidência do Senado.

(Com Agência Senado)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.