Arte de rua vai parar no quarto do hotel Por Equipe AE São Paulo, 25 (AE) - A arte de rua não é mais para ser apreciada apenas durante as andanças pelas cidades para onde os turistas fazem suas viagens. Esse estilo de intervenção urbana também encontra seu lugar no momento da hospedagem.

Em busca de um clima jovem, hotéis ao redor do mundo apostam no grafite para decorar apartamentos e áreas sociais. Confira a relação de alguns desses lugares "descolados" abaixo.

Hotel des Arts,Recife
Revitalizado, o hotel recebeu decoração temática nos seis andares - música, fotografia, artesanato, história em quadrinhos, mangá e grafite. Fica no bairro de Boa Viagem e fornece Wi-Fi grátis. Diária desde R$ 142, para duas pessoas. Mais: www.marolinda.com.br/hoteldesarts.html.

Sixty, Riccione
Um painel com janelas em forma de elipse garante visual descolado desde a fachada do hotel da grife Miss Sixty (www.sixtyhotel.com), na litorânea Riccione, nordeste da Itália. Os interiores foram decorados por 30 artistas, com grafite, plástico e outros materiais moderninhos. Diária desde 140 (R$ 347).

Linson, São Paulo
O lobby do Hotel Linson, na Rua Augusta, conta com cenas urbanas desenhadas por Kobra. Agora, o mesmo tipo de decoração será feita nos 64 quartos. O objetivo é convidar grafiteiros diferentes para ilustrar cada um dos 17 andares. A diária custa desde R$ 121. Informações: www.linson.com.br.

Fox, Copenhague
OS 61 quartos do Hotel Fox, na capital da Dinamarca, foram grafitados por 21 artistas que criaram florestas, criaturas fantásticas, monstros e dormitórios de reis e princesas. Escolha a decoração antes de fazer reserva no site www.hotelfox.dk. Diária desde US$ 162 (R$ 295).

Pod, Nova York
O visual moderno ressalta o perfil tecnológico, bem ao gosto de jovens e aficionados por gadgets como o iPod, neste hotel em Midtown East. Veja grafites no jardim e em outros ambientes. Diária desde US$ 89 (R$ 162), com banheiro compartilhado. Informações: thepodhotel.com.

Habita, Cidade do México
A fachada "suja", de aço e vidro com grafites que lembram pichação pura e simples, dá ideia do mix de influências encontrado neste hotel. Mistura que continua em detalhes inesperados, como vasos da planta agave (matéria-prima da tequila). Diária: US$ 175 (R$ 320). Mais: hotelhabita.com.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.