Arqueólogos descobrem ruínas de grande vila romana na Inglaterra

Londres, 19 ago (EFE).- Uma equipe de arqueólogos britânicos descobriu as ruínas de uma vila da época romana na ilha de Wight, no sul da Inglaterra.

EFE |

Construída há aproximadamente 1,8 mil anos, segundo os especialistas, a vila tem o tamanho de uma piscina olímpica e a forma de uma igreja.

"É um edifício impressionante, absolutamente magnífico. Devia ser possível vê-lo de várias milhas ao redor", explica no jornal "The Times" Barry Cunliff, professor emérito de Arqueologia em Oxford.

O edifício devia ter uma altura de mais de seis metros e era sustentado por colunas de madeira, afirma Cunliff, segundo o qual o local poderia ser comparado a um grande salão medieval.

A parte residencial tinha um sistema de calefação sob o solo, e a destinada a usos coletivos certamente servia como palco de reuniões.

A vila recém-descoberta é comparável em tamanho a outra situada próxima a Pulborough ou à sala do palácio romano de Fishbourne, ambas localizadas perto de Chichester, no condado de West Sussex, também no sul da Inglaterra. EFE jr/fh/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG