BRASÍLIA - Até às 22 horas, já deverá estar encerrada a apuração das eleições nas capitais e em cerca de 90% dos 5.563 municípios.

Essa é a expectativa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que prevê, entretanto, a apuração total somente amanhã em função de " casos excepcionais " .

A substituição das urnas eletrônicas por votação manual em três sessões foi um exemplo citado pelo TSE daquilo que deve atrasar o resultado. Os casos ocorreram nas localidades paulistas de Taubaté e São Bernardo do Campo bem como em Mari, na Paraíba.

Ao fazer um balanço do pleito, no início desta tarde, o presidente do TSE, o ministro Carlos Ayres Britto, considerou que, apesar de incidentes, como a prisão em flagrante de 168 pessoas por tentativa de aliciamento de eleitores em boca-de-urna, tudo corre " com tranqüilidade " . " Os problemas não são de grande monta e estão sendo administrado a tempo e a hora " , comentou.

Com base em estimativas da área de tecnologia do tribunal, Ayres Britto informou que, por volta da meia-noite de hoje, a grande maioria dos candidatos a prefeito já será conhecida, incluindo os casos de municípios onde haverá segundo turno em 26 de outubro.

Dados do TSE apontam que há 77 cidades com mais de 200 mil eleitores, onde os candidatos poderão disputar o segundo turno caso nenhum obtenha a maioria absoluta dos votos.

Sobre a possibilidade de centenas de municípios conhecerem ainda neste domingo quem os governará até 2012, o presidente do TSE considerou que " hoje a rapidez, a segurança e a autenticidade do processo eleitoral deixa todo mundo mais calmo".

(Azelma Rodrigues | Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.