Linha de Passe é premiado no Festival de Cinema de Havana - Brasil - iG" /

Linha de Passe é premiado no Festival de Cinema de Havana

O filme Linha de Passe, de Walter Salles e Daniela Thomas, ganhou nesta sexta-feira o segundo prêmio Coral de melhor longa-metragem no 30º Festival de Cinema de Havana, atrás do chileno Tony Manero, do diretor Pablo Larraín.

AFP |

A atriz brasileira Sandra Corveloni venceu na categoria Melhor Atuação Feminina por sua interpretação em "Linha de Passe", que também ganhou o prêmio de Melhor Edição, executada por Gustavo Giani e Lívia Serpa.

O filme "Maré, nossa história de amor", de Lúcia Murat, ganhou na categoria Melhor Música Original, composta por Fernando Moura e Marcos Suzano. Já "Dossiê Rê Bordosa", animação de César Cabral baseada na célebre personagem das tirinhas de Angeli, ficou em terceiro lugar na categoria Melhor Animação.

Na categoria Obra Prima, "Mutum", de Sandra Kogut, ficou em terceiro lugar, e "Filmefobia", de Kilo Goifman, recebeu menção honrosa do júri.

"Tony Manero", estrelado por Alfredo Castro (que ganhou o Coral por Melhor Atuação masculina), Amparo Noguera, Héctor Morales, Paola Lattu e Elsa Poblete, conta a vida de Raúl Peralta, um cinqüentão obcecado por Tony Manero, personagem de John Travolta em "Os embalos de sábado à noite".

O júri, encabeçado nesta edição do festival pelo realizador peruano Francisco Lombardi, justificou sua decisão por "sua arriscada e singular aproximação da vida sob a ditadura de Augusto Pinochet, retratada a partir de um universo pessoal marcado pela obsessão, pela violência e pela morte".

Esta obsessão leva o protagonista a cometer uma série de crimes, enquanto seus companheiros de festa, envolvidos em atividades contra o regime, são perseguidos pela polícia secreta.

"Tony Manero" é o segundo filme de Larraín, de 52 anos, que estreou em 2006 com a produção "Fuga".

Já "Linha de Passe" conta a história de quatro irmãos órfãos que tentam ganhar a vida na cidade de São Paulo.

Walter Salles é conhecido internacionalmente pelos aclamados filmes "Diários de motocicleta", baseado na história real do revolucionário argentino Ernesto Che Guevara, e por "Central do Brasil".

"El cuerno de la abundancia", do cubano Juan Carlos Tabío (co-diretor de "Fresa y Chocolate" e "Guantanamera", com Tomás Gueíerrez Alea), ficou em terceiro lugar na categoria Longa-metragem.

rd-cb/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG