Após ser baleado, morre no Rio empresário Arthur Sendas

Morreu, às 2h30 desta segunda-feira, no Hospital Samaritano, no Rio, o empresário Arthur Sendas, de 72 anos, dono da rede varejista de supermercados Sendas. Ele foi baleado na cabeça, no início da madrugada de hoje, no interior de seu apartamento, no edifício Juan Les Pin, na Avenida Delfim Moreira, no bairro do Leblon, na zona sul da capital paulista.

Agência Estado |

Encaminhado por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ao Hospital Samaritano, em Botafogo, o empresário passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos. Até as 6h15 desta manhã a equipe médica que cuidava de Arthur não quis fornecer informações. Funcionários do hospital confirmam a morte do empresário. A reportagem do Estadão.com.br tentou entrar em contato com a assessoria de imprensa do Samaritano, mas o celular fornecido pelo hospital esteve na caixa postal durante toda a madrugada.

O titular da 14ª Delegacia, do Leblon, Alberto Lage, e o perito Hélio Martins, do Instituto de Criminalística Carlos Éboli, estiveram no local, onde duas perícias foram feitas. Uma perfuração à bala foi encontrada na porta de entrada de serviço do apartamento. O ex-técnico do Vasco e delegado de polícia Antonio Lopes, amigo do empresário, vascaíno, também esteve na delegacia do Leblon. A Polícia Civil nega-se a passar mais dados e não quis comentar informações preliminares de que um dos seguranças de Arthur teria sido o autor do disparo. Nenhum suspeito foi detido até o momento.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG