Beneficiado com a saída temporária no Dia das Crianças, Maycon Antônio da Silva Souza, 31 anos, ficou apenas um dia em liberdade antes de roubar um carro e o arremessar contra a casa de um homem que testemunhou contra ele no processo criminal por porte ilegal de arma. Após sair da Penitenciária I de Itirapina, o preso roubou um carro em Rio Claro para bater contra a casa da testemunha em São Carlos.

Acordo Ortográfico

Simulando ser cliente, foi a uma garagem de veículos em Rio Claro e pediu para testar um Gol, ano 2000. Logo depois, jogou o funcionário da revendedora do veículo e fugiu.

Segundo informações, ele dirigiu até São Carlos e esperou anoitecer para arremessar o carro contra o portão da residência da testemunha. O morador escutou o barulho e saiu. Ambos começaram a brigar até que a polícia, chamada por vizinhos, chegasse ao local.

Os policiais identificaram o preso e o levaram de volta à cadeia. Agora, além de porte ilegal de arma, ele responderá por roubo e perderá o benefício do regime semi-aberto.

Leia mais sobre: presos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.