Após rodízio de caminhões, lentidão em SP bate recorde

O tombamento de uma carreta na Marginal Pinheiros durante a madrugada de hoje causou o maior congestionamento do ano em São Paulo após a implantação do rodízio para caminhões em 30 de junho, chegando a 181 quilômetros por volta das 10h30, segundo medição da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A marca está bem próxima à registrada em 11 de março, quando a cidade registrou 186 km de vias engarrafadas.

Agência Estado |

Por conta do acidente, que deixou interditada totalmente a pista local da Marginal Pinheiros, desde às 8h30, para a retirada da carreta, além da Avenida das Magnólias, o acesso da Marginal Pinheiros para a Avenida das Magnólias e as Ruas Alcebíades Delamare e Taques Alvim, um grande congestionamento se formou nas vias.

Juntas, somavam, mais de 32 quilômetros de trânsito parado, começando na Ponte Ary Torres, na pista expressa que segue para Interlagos da Marginal do Pinheiros, indo até a Ponte Imigrante Nordestino, na zona leste, nas duas pistas da Marginal do Tietê sentido Rodovia Castello Branco. Segundo a CET, a carreta foi removida por volta das 10h30 e apenas o acesso da Marginal Pinheiros para a Avenida das Magnólias continuava bloqueado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG