Após mais de 4 horas, suspeitos se entregam e seqüestro termina em Carapicuíba

CARAPICUÍBA (SP) - Os dois homens que mantinham uma família refém em uma casa em Carapicuíba, na Grande São Paulo, entregaram-se e libertaram todos os seqüestrados por volta das 11h desta segunda-feira. Ao todo, sete pessoas estavam sob o poder dos suspeitos desde as 6h30.

Redação |

As primeiras reféns libertadas foram duas meninas, por volta das 9h. Elas seriam filhas do casal dono da casa onde ocorreu o seqüestro. Mais tarde, por volta das 10h30, os suspeitos soltaram mais duas mulheres.

De acordo com a PM, dois homens invadiram a residência para roubar um supermercado, que fica na parte de trás do imóvel. A família é dona do estabelecimento. Um terceiro homem, que dava suporte ao grupo do lado de fora, foi preso assim que os policiais chegaram, por volta das 8h30. 

Vizinhos teriam visto a ação e chamado a polícia. Ao perceberem a chegada dos agentes da PM, os seqüestradores fizeram a família refém. Eles usaram camisas para cobrir o rosto e estavam armados.

Policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foram acionados para dar suporte às negociações. Os bandidos exigiram que a imprensa estivesse no local para que suas integridades físicas fossem preservadas. 

Segundo informações da polícia, todos passam bem. Até o momento, a polícia não divulgou o nome dos supostos assaltantes e nem dos familiares.

Leia também:


Leia mais sobre:
seqüestro

    Leia tudo sobre: seqüestro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG