Após mais de 30 horas preso, operário é resgatado de cisterna em MG

BELO HORIZONTE - Após permanecer mais de 30 horas preso um uma cisterna, um operário de 63 anos foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros, no bairro Ouro Verde, em Igarapé, região metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com os bombeiros, ele passa bem e será encaminhado para o Hospital João XXIII, na região.

Redação |

Operário foi resgatado com vida e apresentou poucas escoriações / Futura Press

O operário José Francisco da Silva, segundo os bombeiros, estava preso desde às 8h30 de segunda-feira. Ele reparava um serviço feito na cisterna, de 23 metros de profundidade e 1 de diâmetro, quando uma pedra se deslocou e Silva caiu.
Manilhas, ferragens e pedras caíram sobre o operário, que ficou com as pernas presas. De acordo com os bombeiros, Silva está consciente apresenta poucas escoriações e precisou apenas tomar remédios para aliviar as dores.
Na tarde desta terça-feira, uma pequena parte da pedra que ficou sobre as pernas de José Francisco foi retirada pelos bombeiros. 
Uma bomba de sucção foi utilizada para evitar que o nível da água subisse. Os bombeiros afirmam que o  resgate foi complicado por causa do risco de um novo deslizamento de pedras no reservatório. Trinta e cinco homens do Corpo de Bombeiros participaram da operação de socorro. 

Veja também:

Leia mais sobre: acidentes

    Leia tudo sobre: acidentes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG