Tamanho do texto

O prefeito de Cunha (SP), Osmar Felipe Junior (PSDB), esteve hoje no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, a fim de solicitar ajuda do Governo do Estado para recuperar o município, um dos mais atingidos pelas chuvas da virada do ano. À tarde ele se reuniu com Edinho Araújo, presidente da Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo (Codasp), a quem solicitou apoio para a desobstrução de pontes e estradas da zona rural de Cunha.

Às 18h, o prefeito iria conversar com o governador José Serra, a quem pretendia entregar um dossiê sobre os estragos causados pelas chuvas.

O município de Cunha é um dos maiores do Estado, em extensão, somando cerca de 1,2 mil quilômetros quadrados e mais de 2 mil quilômetros de estradas rurais. "Tivemos mais de 400 a 600 pontes arrancadas ou danificadas pelas águas e perto de mil barreiras para serem removidas", explicou Felipe.

Segundo a Defesa Civil, os bairros rurais Capivara, Barro Vermelho, Bananal, Três Pontes, Itambé, Sertão dos Marianos, Catioca, Catioquinha, Cachoeira dos Rodrigues, Sapezal e Fazenda Santana continuam isolados e cerca de 12 mil pessoas foram afetadas com as chuvas. Técnicos do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), avaliaram que 90 casas do município estão em áreas de risco.