Após discórdia, dado sobre emissão de CO2 terá padrão

O Ministério do Meio Ambiente (MMA), a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) e a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (ANFAVEA) irão criar um grupo de trabalho para aprimorar e padronizar a metodologia de divulgação pública dos dados referentes a emissões veiculares. Na semana passada, causou polêmica a divulgação de um índice de emissões veiculares pelo MMA e pelo Ibama, em que se afirmava que veículos movidos a gasolina e a álcool possuem emissões parecidas.

Agência Estado |

Ao analisar os dados divulgados, a Unica e outros setores da sociedade entenderam que o indicador precisava levar em consideração outros dados para um resultado mais acurado.

Segundo nota divulgada pelas entidades, o principal objetivo do grupo de trabalho é estabelecer formas claras e simples de divulgação de valores de emissões, que permitam o entendimento das informações pelo público consumidor e pelos órgãos de imprensa.

Além disso, a intenção é propor uma metodologia que permita o entendimento do uso de combustíveis renováveis, quanto à emissão de gases do efeito estufa, com vistas ao esforço do Plano Nacional de Mudança do Clima para a redução de emissões de CO2. Os resultados deste grupo de trabalho deverão ser divulgados em 40 dias.

    Leia tudo sobre: anfaveagáspoluição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG