Após 4 anos, reiniciam obras na Ponte do Limão em SP

Após quatro anos e meio, as obras na Ponte do Limão, zona norte de São Paulo, serão finalmente reiniciadas hoje. O prazo para a conclusão é de quatro meses.

Agência Estado |

Orçadas em R$ 2,5 milhões, elas preveem a substituição de 12 vigas, que vem sendo construídas desde março do ano passado, e o aumento do gabarito - distância entre a pista da Marginal do Tietê e a face inferior da ponte - de 4,40 para 5,10 metros. As Pontes do Limão e da Freguesia do Ó são as mais baixas da cidade.

Para a execução das obras no Limão, previstas para as seis faixas existentes nos dois sentidos, serão interditadas duas faixas por vez, a cada 21 dias. Na Marginal do Tietê, o trecho no entorno à ponte será interditado das 23 às 6 horas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). As obras da Ponte do Limão são as que estão paradas há mais tempo na cidade, pelo menos sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras (Siurb), segundo o superintendente de Obras do órgão, Edward Zeppo.

A faixa da direita da ponte, no sentido bairro, foi interditada em agosto de 2004, quando um caminhão ficou entalado e abalou sua estrutura. O local se tornou um depósito de entulho, com garrafas pet, sacos de lixo e calotas de veículos. Pelo vão da faixa, esses materiais podem cair e atingir os automóveis, ônibus e caminhões que trafegam pela Marginal do Tietê. Por causa da chuva, a maioria das ligas de ferro está enferrujada. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG