O pianista de blues Henry Gray vai se apresentar pela primeira vez no Brasil na 6ª edição do Bourbon Street Fest, a partir deste final de semana, no Rio e em São Paulo. Gray é uma lenda do blues, com quase 70 anos de palco - seu primeiro concerto profissional foi aos 16 anos, sob os olhares meio desconfiados do pai, que permitiu o show mas o acompanhou ao clube de Alsen, Louisiana, cidadezinha perto da fazendinha onde a família vivia.

"Quando me pagaram, e meu pai viu que eu podia ganhar dinheiro com o blues, ele passou a gostar muito daquilo tudo", conta Gray, atualmente com 83 anos.

Desde aquele início remoto, ele trabalhou ou gravou com meio mundo: Muddy Waters, Otis Rush, Sonny Boy Williamson, Guitar Slim, Taj Mahal, Homesick James, Robert Lockwood Jr., Billy Boy Arnold, Johnny Shines, Abbe Locke, Hubert Sumlin, Lazy Lester, Little Walter Jacobs, Jimmy Reed, Jimmy Rogers, Koko Taylor, Lucinda Williams, Wahsboard Sam. Tocou com Elmore James e esteve com James na noite em que este morreu.

Há dois anos, Gray tocava na Noite do Piano no House of Blues, em New Orleans. Uma constelação dos maiores nomes do jazz e do blues da região subia e descia do palco apenas para fazer uma pontinha no seu show. O local estava lotado. Ele é um dos últimos grandes pianistas de blues da sua geração. Seu estilo é elétrico, festivo, uma espécie de elo perdido entre o R&B, o blues boogie-woogie e o rock'n'roll.

Em 1998, Henry Gray foi convidado por Mick Jagger, dos Rolling Stones, para tocar no seu aniversário de 55 anos, em Paris. "Aqueles garotos adoram uma festa", ele diz, sobre os Stones, seus amigos há décadas. Em 1999, ele foi indicado para o Grammy pelo disco A Tribute to Howlin'Wolf (TelArc Records). Foi um dos seus mentores musicais, Howlin'Wolf (o outro foi Big Maceo Merriwether), que o convidou para integrar seu grupo em 1956. Mas ele mesmo só gravou seu primeiro disco-solo em 1988, pelo selo Blind Pig. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Bourbon Street Fest - Palco Ibirapuera . Av. Pedro Álvares Cabral, s/n.º, portão 10, Parque do Ibirapuera. Sáb. (16), a partir das 15h30. Grátis. Palco Bourbon Street - R. dos Chanés, 127. Tel. (011) 5095-6100. 3.ª a 5.ª, 21h30; 6.ª (22) e sáb. (23), 22h30. R$ 60/R$ 75 (dom. 11 h - R$ 185). Palco Street . R. dos Chanés, 194. Dom. (24), 16 h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.