Quem sofre com asma ou rinite alérgica em breve vai poder economizar pelo menos 35% nos gastos com medicamentos. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pretende publicar, num prazo máximo de dois meses, uma resolução que autoriza a produção de sprays e aerossóis nasais na versão genérica - o que reduziria significativamente o preço do produto.

Hoje, sob os rótulos comerciais, o medicamento custa entre R$ 30 e R$ 100. Com os genéricos, o valor pode baixar para R$ 19,50. “Para controlar os sintomas de rinite e asma, esses são os medicamentos prescritos pela maior parte dos médicos”, afirma Luis Felipe Ensina, diretor da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia (Asbai). “E se pensarmos que cerca de 20% da população brasileira sofre com esse tipo de doença, podemos concluir que essa resolução da Anvisa vai beneficiar mais de 36 milhões de pessoas.”

O dentista Silvio Bilaqua, de 42 anos, ficou feliz com a notícia. Desde que veio morar em São Paulo, há dois anos - ele nasceu em Ouro Preto, no interior de Minas Gerais - as crises de asma e rinite aumentaram. E os gastos também. Bilaqua compra dois frascos de spray por mês, cada um por R$ 35. “Esse medicamento é o única da minha lista de compras que ainda não tinha versão genérica”, diz o dentista. “Agora vou gastar menos na farmácia.” As informações são do Jornal da Tarde .

AE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.