Anvisa suspende pulseira de citronela sem registro

RIO DE JANEIRO - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu, nesta quinta-feira, a fabricação, distribuição, comércio e uso, em todo país, da pulseira de citronela fabricada pela empresa Indústria Comércio Importação e Exportação de Novidades Harmonia (RE 1351). O produto não possui registro. Como a empresa, localizada em Carapicuíba (SP), também não tem autorização para funcionar, a suspensão estende-se a todos os produtos saneantes produzidos por ela. Os produtos feitos com citronela, um tipo de planta, passaram a ser muito procurados recentemente por servirem como um repelente natural contra o mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue.

Redação |

A Agência também interditou, por 90 dias, o lote AL075 do medicamento Tensioval (Metildopa), 500mg, comprimidos, fabricado pela empresa Sanval Comércio e Indústria (RE 1350), de São Paulo (SP). Amostras analisadas pela Fundação Ezequiel Dias apresentaram resultados insatisfatórios nos ensaios de Dissolução de Metildopa e Análise de Rotulagem.

Já o lote 0703134 do analgésico Dipirona Sódica, da Indústria Farmacêutica Rioquímica (RE 1352), apresentou resultado insatisfatório no ensaio de Determinação de Teor de Dipirona. O lote também está interditado por 90 dias.

Denúncias sobre medicamentos, cosméticos e produtos para saúde sem registro sanitário podem ser feitas à Anvisa pelo endereço eletrônico ouvidoria@anvisa.gov.br .

    Leia tudo sobre: anvisa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG