Anvisa apreende 2 toneladas de remédios falsos em laboratório de Goiânia

GOIÂNIA - Três pessoas foram presas nesta quinta-feira em Goiânia (GO) por fabricar e distribuir medicamentos clandestinos. De acordo como Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), pelo menos duas toneladas de remédios falsos foram apreendidos no Laboratório Anchieta, que não possui registro válido no órgão desde outubro do ano passado.

Agência Estado |

Foram presos o proprietário do laboratório e duas responsáveis técnicas que acompanhavam a produção.

Em Brasília, uma mulher foi presa ontem acusada de envasar, rotular e distribuir o medicamento clandestino Indiana Tallum, também conhecido como Fator P. Ainda de acordo com a Anvisa, o medicamento irregular era distribuído para a região de Brasília e entorno, além dos Estados de Goiás e Minas Gerais. Segundo o assessor de Segurança do órgão, Adilson Bezerra, foram encontrados cerca de mil frascos do produto prontos para o consumo.

Leia também:

Leia mais sobre: remédios

    Leia tudo sobre: remédios

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG