Antártida também sofre com aquecimento, afirma estudo

A Antártida ficou mais quente nos últimos 50 anos. Até agora, os cientistas acreditavam que o continente esfriava enquanto a Península Antártica - braço de terra mais próximo à América do Sul - aquecia.

Agência Estado |

Uma pesquisa publicada hoje na revista britânica Nature contraria o consenso e mostra que a temperatura média também subiu na Antártida Ocidental.

O principal autor do estudo, Eric Steig, da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, afirma que o aquecimento na região oeste do continente gelado foi maior do que a diminuição da temperatura na Antártida Oriental no período entre 1970 e 2000. “Por isso, na média, a região ficou mais quente”, considera Steig.

Em entrevista, o pesquisador afirmou esperar que o estudo coloque um ponto final no que considera “especulações de que toda a Antártida está ficando mais fria”. Segundo o trabalho, a cada década, a região ocidental do continente aqueceu mais de 0,1°C. Na porção oriental, a temperatura caiu nos últimos 30 anos, mas, quando comparada a previsões da década de 50, também sofreu um leve aquecimento. Na média, a temperatura do continente subiu 0,5°C. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG