A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) será a responsável pela fiscalização das condições de instalações das linhas de transmissão que desligaram na terça-feira à noite, causando blecaute em 18 Estados do País, e também sobre os procedimentos adotados pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) no incidente. A Aneel tem poder de fiscalizar e multar os responsáveis por eventuais falhas, o que inclui até o ONS, também regulado pela Aneel, caso venha a se constatar que o órgão não agiu adequadamente para prevenir e estancar o problema.

O ONS ainda tem de entregar à Aneel o Relatório de Análise de Perturbação, que traz uma síntese do ocorrido. A previsão, segundo a Aneel, é de que esse relatório seja apresentado em reunião a ser realizada na semana que vem. Depois disso, caberá à Aneel a análise do relatório. Os técnicos da agência decidirão se partirão para investigação in loco para checar as condições físicas das linhas de transmissão que desligaram.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.