Aneel diminui prazo para Light justificar apagões no Rio

Diante dos constantes mini-apagões que tem acontecido na região metropolitana do Rio de Janeiro, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) determinou que a Light, empresa responsável pelo serviço de distribuição no Estado, apresente relatório com a justificativa para a falta de luz até as 17 horas do dia que ela ocorrer. No final da noite de ontem e madrugada de hoje, cerca de 3 mil ficaram sem luz no Leblon, bairro da zona sul da capital fluminense.

Agência Estado |

Segundo a assessoria de imprensa da Aneel, a obrigatoriedade continua tendo prazo de 48 horas para todas as demais distribuidoras. O espaço de tempo mais apertado só valera para a Light devido aos constantes blecautes no Rio. A nova regra já valerá a partir de hoje.

O Leblon sofreu no final da noite de ontem e madrugada de hoje com mais um apagão, que atingiu cerca de três mil clientes em quatro quarteirões do bairro da zona sul. À 1h15, o abastecimento de energia já havia voltado para cerca de 90% das ruas e avenidas afetadas, informou a Light. Porém, por volta das 9h30, três edifícios ainda continuavam sem energia elétrica.

Segundo a Light, um defeito na chave de rede subterrânea na região impede o restabelecimento total de energia no bairro. A assessoria de imprensa da empresa não soube informar a previsão para a volta da energia elétrica.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG