Amazonas vai demitir 110 parentes de políticos

O Diário Oficial do Estado do Amazonas publica na segunda-feira as listas de 66 parentes de deputados estaduais e 44 de vereadores da Câmara Municipal de Manaus demitidos. As listas, que no identificam de quem são os parentes demitidos, foram entregues ontem, mas como hoje é feriado estadual, o Diário não circula.

Agência Estado |

As relações foram entregues pelo presidente da Câmara, vereador Leonel Feitosa (PSDB) e pelo diretor-geral da Assembléia, Wander Motta.

Segundo a assessoria da Assembléia, os novos funcionários serão obrigados a preencher uma ficha cadastral informando não ter parentesco com os parlamentares e, no ano que vem, um concurso deve ser realizado. Alguns dos parentes dos deputados recebiam mensalmente R$ 9,6 mil, somando salários e gratificações. Na Câmara, os funcionários recebiam de R$ 415 a R$ 2,6 mil, sem contar os benefícios.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG