Do total de entorpecentes queimados, 95% foi de cocaína e derivados da droga

selo

A Polícia Federal (PF) incinerou neste sábado, em Manaus, 2,5 toneladas de drogas apreendidas nos últimos dois anos no Amazonas. A PF, segundo a assessoria da entidade, faz a incineração duas ou três vezes por ano e, enquanto não acontece, a droga apreendida fica guardada em um armazém da PF.

O equipamento foi alugado da empresa Amazonmix, que produz bebidas energéticas, como açaí e guaraná, e usa os fornos gigantes para queimar as cascas desses frutos. Do total de entorpecentes queimados, 95% foi de cocaína e derivados da droga. Segundo a PF, o valor da droga queimada poderia alcançar mais de R$ 15 milhões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.