Alicia Keys arrasa em show no festival de Montreux

MONTREUX, por Stephanie Nebehay ¿ A cantora de R&B Alicia Keys retornou ao festival de Jazz de Montreux, na Suíça, num concerto de 90 minutos e muito dinamismo em que misturou sucessos do início de sua carreira com faixas recentes de seu álbum As I Am.

Reuters |

'Uma das coisas que mais gosto de fazer é vir ao Festival de Jazz de Montreux. Há algo diferente no ar aqui', disse a cantora e pianista americana premiada com o Grammy à multidão na noite de quinta-feira. 'Há muito talento incrível aqui.'

A cantora nova-iorquina fez sua estréia no prestigioso festival suíço em 2004. Dois anos atrás ela passou por um período difícil que quase a fez perder o caminho de sua vida e carreira, mas deu a volta por cima e em fevereiro conquistou o Grammy de melhor cantora de R&B pela faixa 'No One', de seu novo álbum.

O premiado com o Grammy produtor e compositor Quincy Jones, que está comemorando seu 75 aniversário em Montreux, compareceu de surpresa ao show para apresentar a 'garotinha doce e talentosa' que conheceu anos atrás com sua mãe.

Ele comentou: 'Um dos privilégios de ser produtor é que você tem a chance de conhecer as pessoas antes dos outros as conheceram. Alicia não apenas tem a ousadia de ser talentosa, linda e inteligente, como tem bom coração' (referência ao trabalho humanitário da cantora na África).

Keys agradeceu a Quincy Jones, a quem chamou de 'o padrinho de Montreux'. O produtor afro-americano, que co-produziu o festival entre 1991 e 1993, foi homenageado num concerto enorme na noite de segunda que reuniu estrelas como Herbie Hancock, Patti Austin, Mick Hucknall, Al Jarreau, Nana Mouskouri e Petula Clark, entre outros.

Keys tocou várias faixas de 'As I Am', incluindo 'No One' e 'Teenage Love Affair'. Ela dedicou 'Superwoman' às 'mulheres e irmãs que sentem o peso do mundo nos ombros'.

Ela também cantou faixas de seu álbum inaugural de 2001, o premiado com o Grammy 'Songs in A Minor'.

Vestindo túnica branca e calças pretas, ela se deitou de barriga sobre o piano, inclinando-se sobre o teclado para começar a cantar 'Secrets,' do álbum de 2003 'The Diary of Alicia Keys'. Jermaine Paul abriu o show e depois atuou como seu vocalista de apoio.

Leia mais sobre: Alicia Keys

    Leia tudo sobre: música

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG