BRASÍLIA - O assessor especial para Assuntos Internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, confirmou nesta sexta-feira que será o coordenador do grupo de articuladores do programa de governo da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, na corrida para a Presidência. Ele afirmou ainda que o programa irá contar com a participação dos partidos que se aliarem a Dilma em campanha.

"É um trabalho de reflexão intelectual, mas também de articulação política. Nosso interesse é que o programa seja expressão de todos os partidos comprometidos na aliança da candidatura", destacou.

Para elaborar o programa, Garcia prevê sua saída do governo até março do ano que vem, quando termina o prazo para descompatibilização. Marco Aurélio relatou que tem trabalhado durante a noite e nos finais de semana com vistas a disputa eleitoral. Porém, negou que, neste trabalho, esteja incluída a produção de um livro sobre Dilma, a semelhança do que fez o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, durante campanha eleitoral.

"Estamos trabalhando em um livro para esse ano. É um livro de alguns autores, com um balanço dos sete anos do governo Lula com projeção para o futuro", disse. Entre estes autores estariam intelectuais e membros do governo petista.

Leia mais sobre: Dilma - Eleições 2010

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.