Alemanha prepara comemoração cultural de 20 anos da queda do Muro

Berlim, 29 dez (EFE).- A Fundação Federal de Cultura alemã organizará em 2009 um amplo programa artístico-cultural para lembrar o 20º aniversário da queda do Muro de Berlim (1961-1989), que dividiu a Alemanha e se tornou símbolo da Guerra Fria.

EFE |

A Fundação, com sede em Halle, na antiga Alemanha Oriental, informou hoje que as atrações incluem uma exposição artística com cerca de 300 obras de 120 criadores com o título "A arte das duas Alemanhas/Culturas da Guerra Fria".

A mostra será exposta primeiro em Los Angeles (EUA), a partir de 25 de janeiro, e viajará depois ao Museu Nacional Germano de Nuremberg, em maio, e ao Museu de História Alemã de Berlim, em outubro.

Por sua parte, a revolução social pacífica que conduziu ao fim da Alemanha Oriental em 1989 terá seu próprio ciclo cinematográfico na próxima edição do Festival Internacional de Cinema de Berlim, realizado de 5 a 15 de fevereiro.

Sob o lema "Precursores Cinematográficos da Mudança", o Festival de Berlim exibirá 15 filmes produzidos na Alemanha e no leste europeu durante a Guerra Fria nas quais já se advertiam os "primeiros indícios" de uma "profunda" transformação, indicou a instituição.

Entre as produções, se mostrarão documentários, filmes experimentais, animações e curtas-metragens rodados nos estúdios cinematográficos oficiais de países como Bulgária, Polônia, Romênia, Bulgária, União Soviética e Alemanha Oriental.

Segundo a Fundação Federal de Cultura, nas obras -de cineastas como Krzysztof Kieslowski, Piotr Szulkins, András Jelese Petar Popzlatews- se formula uma "esperança política ou econômica, mas, sobretudo, uma esperança artística".

Por sua vez, o Tetaro de Jena, também na Alemanha Oriental estreará em outubro a obra "A terceira via", na qual abordará se, após a queda do Muro, tivesse sido possível fazer uma reunificação "menos rápida" que a que finalmente aconteceu entre as duas Alemanhas.

A Fundação Federal de Cultura organizará também o congresso "Fórum de História 1989-2009" no qual cientistas, historiadores e políticos debaterão de 28 a 31 de maio sobre a posterior reunificação no Museu de História Alemã de Berlim. EFE nvm/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG