O ex-governador Geraldo Alckmin foi buscar, nos últimos dois dias, o apoio dos grandes cardeais do PSDB a sua candidatura: no domingo, conversou com o governador José Serra e, na segunda-feira, com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Aos dois, pediu que comparecessem à convenção, no dia 22, que vai escolher o candidato do PSDB à prefeitura.

Amigos dizem que ele saiu “muito satisfeito” das conversas: Serra e FHC prometeram apoiá-lo.

Ao ex-presidente, Alckmin garantiu que os três estarão juntos em 2010 - supostamente na trincheira de Serra na disputa presidencial. A amigos, o ex-governador contou que Fernando Henrique prometeu apoiá-lo “integralmente” e considerou “insensatez” a disputa dentro do PSDB por causa da candidatura à prefeitura. Já Serra lhe teria dito que está “muito contrariado” com a divisão no partido e tem procurado desestimular a disputa. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.