O ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), reuniu-se ontem com o presidente do Diretório Municipal do PSDB, José Henrique Lobo, para cobrar que sua pré-candidatura seja formalizada até 5 de maio. O encontro ocorreu após o prefeito Gilberto Kassab (DEM) falar abertamente, pela primeira vez, em sua pré-candidatura e em uma tentativa de acordo para Alckmin concorrer como governador em 2010.

O presidente do PSDB confirmou o encontro, mas negou que tivesse recebido qualquer ultimato. "Tenho sofrido muita pressão por parte dos deputados federais que apóiam Alckmin, mas vou seguir o calendário que estava definido de deixar essa posição para maio, após um terceiro encontro entre eles (Alckmin e Kassab)", afirmou Lobo. Ele disse que não comentaria o teor da conversa.

O vice-presidente do diretório, deputado Júlio Semeghini, disse que a definição sobre a pré-candidatura de Alckmin deve sair "imediatamente". "Com a formalização da pré-candidatura de Kassab, o PSDB precisa ter sua posição agora, não há mais o que esperar", afirmou Semeghini, aliado do ex-governador. Ele ressaltou que 5 maio é a data-limite. "Mas pode ser que já na próxima semana tomemos uma posição." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.