As buscas pela caixa-preta do Airbus A330 da Air France que caiu no Oceano Atlântico em 31 de maio, com 228 pessoas a bordo, serão retomadas em fevereiro, conforme anunciou ontem o diretor do escritório francês de Investigação e Análise (BEA) Jean-Paul Troadec, que cuida da investigação. Ele disse que essa terceira etapa da procura deverá durar três meses e contará com a ajuda de sonares e robôs submarinos.

Amanhã haverá reunião com parentes das vítimas no Brasil. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.