greve dos ferroviários, se apertavam nos vagões." / barbárie , diz Tarso - Brasil - iG" / greve dos ferroviários, se apertavam nos vagões." /

Agressão contra passageiros no Rio é barbárie , diz Tarso

RIO DE JANEIRO - O ministro da Justiça, Tarso Genro, classificou nesta quinta-feira de barbárie o flagrante de violência contra passageiros nos trens urbanos do Rio de Janeiro. Cenas exibidas na quarta-feira pela TV Globo, gravadas em estações de trem cariocas, mostraram agentes da concessionária Supervia agredindo passageiros que, com a http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/04/16/ferroviarios+do+rio+de+janeiro+decidem+manter+greve+5558915.html target=_topgreve dos ferroviários, se apertavam nos vagões.

Agência Estado |

Para o ministro, não são apenas os agentes, que foram demitidos e responderão por lesão corporal, que devem ser punidos. Para Tarso, a Supervia é responsável pela conduta deles e deve ser penalizada "exemplarmente".

"Achei uma barbárie, uma postura absolutamente inaceitável da empresa, que contratou pessoas totalmente despreparadas para controlar motins", disse o ministro, referindo-se à resistência dos passageiros ao fechamento das portas de vagões superlotados.

"Acho que é um péssimo exemplo e inclusive a direção da empresa tem que ser responsabilizada", afirmou ele, na saída da inauguração das novas instalações do Núcleo de Atendimento do Sistema Penitenciário (Nuspen), que servirá para a assistência jurídica a presos e familiares pela Defensoria Pública. Foram investidos R$ 1,5 milhão do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) no escritório.

Passageiros relatam agressão em trem

Leia também:

Leia mais sobre: greve dos ferroviários

    Leia tudo sobre: agressãogreve

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG