Agentes federais revistam clínica do médico de Michael Jackson

A polícia federal americana revistava nesta quarta-feira, em Houston (Texas, sul), uma clínica do médico de Michael Jackson que esteve ao lado do cantor por ocasião de sua morte, no dia 25 de junho, anunciou a agência americana de luta contra as drogas (DEA).

AFP |

"O Departamento de Polícia de Los Angeles que realiza uma investigação pediu ajuda à DEA para a batida", explicou a porta-voz Violet Szeleczky.

Ela confirmou que a revista estava sendo feita na clínica médica Armstrong de Houston, onde trabalha o doutor Conrad Murray.

Michael Jackson faleceu aos 50 anos de idade, em circunstâncias misteriosas.

jkb/cha/sd

    Leia tudo sobre: michael jackson

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG