Aeroportos do País têm situação tranqüila

A situação nos aeroportos brasileiros é tranqüila, segundo boletim divulgado por volta das 16 horas pela Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Dos 985 vôos programados desde a meia-noite até as 15 horas de hoje, 144 (ou 14,6%) tiveram atrasos superiores a trinta minutos.

Agência Estado |

Outros 23 (2,3%) estão atrasados neste momento e 23 (ou 2,3%) foram cancelados.

O maior destaque é Brasília, onde quase metade dos vôos decolou com atraso, em razão do movimento intenso, uma vez que não há problemas de tempo ou infra-estrutura no momento. Das 78 partidas programadas do Aeroporto Presidente Juscelino Kubitschek, 33 (42,3%) sofreram atrasos superiores a trinta minutos, uma (1,3%) permanece atrasada e quatro (5,1%) foram canceladas.

No aeroporto de Congonhas, em São Paulo, das 119 partidas programadas até as 15 horas de hoje, apenas sete (5,9%) sofreram atrasos, uma (0,8%) permanece com atraso e uma (0,8%) foi cancelada. No aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (SP), o movimento é bastante semelhante. Dos 128 vôos programados, apenas dez (7,8%) decolaram com atraso e nenhum foi cancelado.

No Aeroporto Galeão, no Rio de Janeiro, dos 100 vôos programados até as 15 horas, três (3%) tiveram atraso superior a uma hora, dois (2%) permanecem com atraso e 13 (13%) foram cancelados. No Aeroporto Santos Dumont, houve apenas dois cancelamentos (5,9%), no total de 34 vôos previstos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG