Aeroportos da capital paulista operam por instrumentos

Os aeroportos de Congonhas, na zona sul da capital paulista, e Governador André Franco Montoro, em Cumbica, Guarulhos, na Grande São Paulo, operam com o auxílio de instrumentos para pousos e decolagens em razão das condições do tempo. No entanto, a movimentação de passageiros não está sendo prejudicada, de acordo com a assessoria de imprensa da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero).

Agência Estado |

Em Congonhas, o uso de aparelhos teve início às 6 horas, quando o aeroporto abriu. Até 9 horas, dos 56 vôos programados, um atrasou uma hora ou mais e outros 12 acabaram sendo cancelados. Em Cumbica, a utilização de instrumentos começou pela madrugada. Desde a abertura, à zero hora, até 9 horas, dos 59 vôos previstos, três tiveram atrasos iguais ou superiores a uma hora e cinco sofreram cancelamentos.

O balanço geral no restante do País neste feriado nacional de Tiradentes dá conta de que, desde zero hora até 9 horas, dos 514 vôos marcados, 21 atrasaram uma hora ou mais, o que representa 4,1%. Outros 45 foram cancelados (8,8%).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG