FORTALEZA - O Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, faz desde esta segunda-feira constantes alertas contra a gripe suína. O sistema de som do aeroporto repete o alerta de meia em meia hora.

Nesta segunda-feira, no final da manhã, chegou um vôo da Delta Air Lines vindo de Atlanta, nos Estados Unidos, país onde foram confirmados 40 casos da doença. Os passageiros foram orientados a comparecerem ao posto da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), onde foram examinados para saber se eles tinham algum sintoma da doença. Nenhum caso suspeito foi informado.

Os funcionários do Aeroporto Internacional Pinto Martins trabalham com máscaras durante o desembarque de voos dos Estados Unidos.

No aeroporto de Fortaleza não tem há desembarque de voo do México, onde 149 pessoas podem ter morrido pela doença. O monitoramento é feito também nos aeroportos de Recife, Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Os aeroportos recebem ainda hoje folders de alerta contra a doença.

Aeroportos fazem prevenção de voos vindos do México


Gripe Suína no Brasil:

Entenda a gripe suína:

Leia também:

Leia mais sobre: gripe suína

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.