Aeronáutica: sensor de Airbus presidencial foi trocado

O Comando da Aeronáutica informou hoje, em nota, que foi realizada a troca do pitot probes - sensor que afere a velocidade dos aviões -, na aeronave presidencial A-319, durante a revisão programada que está sendo realizada no município paulista de em São Carlos, no centro de manutenção da TAM. Ontem, a Aeronáutica havia informado apenas que o avião estava em manutenção e que havia recebido a recomendação da empresa Airbus, mas não mencionava a troca.

Agência Estado |

Hoje, informou que o equipamento recomendado "foi incorporado à aeronave".

O avião presidencial, também chamado de Aerolula, foi liberado para a Força Aérea Brasileira (FAB) pelo centro de manutenção da TAM e já está pronto para viajar na sexta-feira para Aracaju, em Sergipe, e, em seguida, para a Europa. No fim de semana, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva embarca no avião presidencial para a Suíça, a Rússia e o Cazaquistão.

O comunicado da Aeronáutica ressalta que a revisão programada "não tem nenhum tipo de relação" com o acidente com o Airbus A-330 da Air France. A aeronave, que fazia o trajeto Rio de Janeiro-Paris, caiu no Oceano Atlântico no último dia 31 com 228 pessoas a bordo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG